Tecnologia do Blogger.

domingo, 9 de novembro de 2014

awakening

 

Havia essa moça no ponto de ônibus,  essa moça de beleza não convencional. Cabelos pretos, curtos. Blusa de alcinha, também preta. Tinha tatuado awakening  nas costas.  Fiquei confuso porque apesar disso ela aparentava muito sono. Quando chegou nosso ônibus, acho que nos dois já estávamos dormindo.

 

Por que alguém escreve "despertar" nas costas? O que significava? Um aviso, um chamado? Estão todos dormindo. Dançando uma dança morta. “Ei,  você,  desperte!”, talvez ela estivesse tentando gritar. Estaria sinalizando que estava desperta? Quis perguntar. Quis mesmo.

 

Quis sentar do lado dela, mas seria estranho,  ainda restavam bancos com os dois assentos vagos. Nessas horas que noto como os seres humanos se repelem. Sentei algumas cadeiras depois, junto à janela. Olhei para a rua. Coloquei o fone. Os óculos escuros.

 

Esqueci-me dela,  fechei os olhos e acordei.

 

2014-10-20 21.32.17-1

1 comentários:

Griz disse...

E seguiu viagem. Ela lhe despertou algo, talvez fosse o propósito: despertar algo em alguém que passa. Quem sabe ela tenha que lembrar que é preciso despertar, ou não.
Adorei. Sigo nos despertares. Bj

Postar um comentário

  ©Composto Substantivo - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo